16/12/2009

“Minä laden Pohjois Karjalan”

Posted in Delírios, Erasmus às 22:29 por ideiasdelirantes

Em português, o título significa: “Minha terra Norte Carelia”. Bem sei que os meus últimos posts têm sido “revewing Finland”. Mas que posso fazer mais, se a nostalgia aperta de cada vez que vejo, ouço, ou falo sobre a minha estadia por lá?

17/10/2009

Reviewing Finland II

Posted in Erasmus às 19:08 por ideiasdelirantes

8733_1245407743824_1488300111_688209_1036662_n

Reviewing Finland

Posted in Erasmus às 19:06 por ideiasdelirantes

9623_162444341243_664441243_3296730_1862985_n

23/07/2009

Antes de decidires ir para Erasmus deves:

Posted in Erasmus às 13:37 por ideiasdelirantes

Estudar bem se o Processo de Bolonha se encontra bem implementado na universidade de destino e na de origem (o que é raro);

se o Departamento de Relações Internacionais e o teu coordenador da universidade de origem se mostram disponíveis, se te querem ajudar, em vez de apenas te colocarem obstáculos no teu processo;

se a tua Universidade de destino se mostra, igualmente, disponível (o que normalmente é mais provavel de acontecer do que com a universidade de origem, irónico não é?);

verificar se o número de créditos/cadeiras são semelhantes em ambas as universidades muito antes de partir (no meu caso, apenas descobri algumas coisas quando já lá estava, sendo mais difícil o contacto com o coordenador de cá);

estudar as consequências dessa falta de equivalências antes de ir (nomeadamente os exames que terás de efectuar depois do Erasmus, as inscrições no mestrado, etc…);

verificar se terás direito à bolsa de mobilidade ou não;

encontrar casa no país de destino antes de ir;

preparar-te psicologicamente para as grandes mudanças que vão existir na tua vida (o Erasmus não é brincadeira);

ver fotografias, estudar o sítio para onde te direccionas (é sempre bom saber algo mais);

mas, mais do que tudo, veres se és capaz de entrar no espírito Erasmus: aproveitar cada dia como se fosse o último para que, mais tarde não te venhas a arrepender de nada, estar ao máximo com as pessoas de Erasmus e aproveitar essas amizades que jamais esquecerás!

Antes de mais, aproveita tudo, mesmo que algo fique em atraso, cadeiras, etc… O Erasmus é uma experiência de vida e não vale a pena muito stress com o resto, deixa acontecer!

21/07/2009

As que faltavam:

Posted in Erasmus às 18:11 por ideiasdelirantes

Uma parede que não passa despercebida

Uma parede que não passa despercebida

Ao que parece, o meu blog deixou-me pôr fotografias e, antes não estava a dar não sei bem porquê, como tal, aqui vão algumas que faltavam mostrar do Erasmus:

Chegada a Helsinquia

Chegada a Helsinquia

  

A famosa igreja de Helsinquia

A famosa igreja de Helsinquia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Parlamento Finlandês, 100 anos de democracia.

Parlamento Finlandês, 100 anos de democracia. Uma parede que não passa despercebida

Um dos momentos mais triste do Erasmus...

Um dos momentos mais triste do Erasmus...

Este post não vai ser muito descrito porque ainda me arrepia olhar estas imagens, da despedida. Encontramo-nos sempre em grupo nas fotografias porque eram os últimos dias e, pura e simplesmente, não nos queríamos soltar. Nesta última, foi o último dia com os franceses e quando nos começamos a aperceber do fim. Foi terrível.
Passado um mês e 20 dias, ainda é estranho não os ver todos os dias…

12/07/2009

Quando vejo os blogs…

Posted in Erasmus às 17:21 por ideiasdelirantes

das pessoas que ainda se encontram em Erasmus em vários locais…

fico cheia de inveja porque vejo que, seja em que sítio for, os sentimentos são os mesmos.

Às vezes gostava de ainda lá estar e viajar, as saudades que tenho de estar a viajar e aprender coisas novas todos os dias!!

ah e de não estar sempre a estudar, hehe!

08/07/2009

Saudades daquela…

Posted in Erasmus às 19:58 por ideiasdelirantes

vida intensa e rápida, cheia de pessoas, amigos, acontecimentos e emoções novas todos os dias. Vou tentar escrever este post tão rápido como foi a vida lá mas não consigo, é impossível porque nunca nada voltará a ser igual.

Rápido, emoções fortes, intenso…tanto que não parece real ou parece não ter acontecido sequer.

E só quem o viveu compreende…só mesmo, por muito que tentem imaginar, não chegam lá.

E as pessoas, que por muito insignificantes que parecessem por lá, hoje sinto saudades.De cada uma, de todos os elementos que compunham aquela comunidade de Erasmus.

Erasmus é o paraíso das emoções, da amizade, da felicidade e da vida. Erasmus é viver o mundo tal qual o queremos viver, sem grandes responsabilidades ou obstáculos, e conhecer pessoas de todo o mundo.

Erasmus és meu, sempre meu, por muito que me reintregue em Portugal como estou agora, estarei sempre com um pé cá e outro no Erasmus.

22/02/2009

A propósito de um livrinho…

Posted in Erasmus às 11:17 por ideiasdelirantes

…que me ofereceram antes de partir:

“Quando se nos oferece uma aventura, nunca se recusa” Amellia Earhart (1898-1937)

“Nunca nos devemos arrastar quando sentimos um impulso para voar” Helen Keller (1880-1968)

“Se o consegues sonhar, consegues fazê-lo” Walt Disney (1901-1966)

“O conhecimento tem significado tudo para mim. O conhecimento levou-me até ao mundo, à universidade, a muitos lugares, às pessoas” Alice Walker, n1944

“Se obedeceres a todas as regras, perdes toda a diversão” Katharine Hepburn (1907-2003)

06/02/2009

Agradecimento

Posted in Erasmus às 11:54 por ideiasdelirantes

Como as pessoas mais proximas de mim sabem, passei há pouco tempo um mau bocado na minha vida, um momento difícil que foi ultrapassado.

Queria, com este post, agradecer a todos aqueles que sempre estiveram do meu lado, sem arredar pé, que me ajudaram a levantar e que não desapareceram da minha vida naquele momento, que provaram que não estão só ao meu lado em momentos de sorrisos e, como tal, sinto que tenho de agradecer do fundo do meu coração. Que vos levo comigo na minha memória, que vos irei lembrar todos os dias e agradecer por me ajudarem a fazer esta viagem tão importante para mim, mais importante do que se pensa, mais importante que um simples Erasmus; é uma luta, uma luta sem fim, uma luta pela felicidade; com esta viagem provo-vos o meu amor à vida interminável, a minha vontade, o meu querer, o meu não desistir. Muito vos devo por isso. Muito mesmo.

Obrigado por não desistirem de mim, obrigado por acreditarem em mim e no meu valor.

Estou feliz, orgulhosa, entusiasmada.Voltarei diferente mas na mesma, esperando reencontrar-vos aqui.